Bolsonaro desistiu do PL e continua a procura por um partido para chamar de seu

CarlosSperança – COLUNA

A hidropirataria

A previsão do vice-presidente Hamilton Mourão de que a Amazônia vai exportar água no futuro é ingênua e atrasada em relação a fatos já bem conhecidos, como o contrabando de água e o volume imenso do líquido embutido nos produtos exportáveis. Perdendo água para os hidropiratas e gastando muito precioso líquido para produzir commodities baratas, o Brasil já a exporta em profusão, embora ganhe pouco pelo que ela representa para um mundo sedento – aliás, o Brasil mesmo possui regiões que clamam por água, brigam por ela e preferiam tê-la como item de sobrevivência e não artigo exportável.

Ao beber uma xícara de café, o consumidor europeu ignora que os grãos torrados da deliciosa beberagem gastaram 130 litros de água para ser produzidos. Se tomar um litro de leite, estará bebendo com ele mil litros de água. Com um quilo de carne de boi, 17 mil litros. Números espantosos, mas bem tímidos diante do contrabando de água feito por um só navio petroleiro: 250 milhões de litros de cada vez.

A hidropirataria foi denunciada no distante 2010 em audiência pública na Comissão de Amazônia, Integração Nacional e de Desenvolvimento Regional. Soube-se que depois de esvaziar as cargas de petróleo, navios embarcavam a preciosa água amazônica sob as barbas das autoridades brasileiras. É muita água desperdiçada por quem começa a sofrer asfixiantes secas.

………………………………………………………………………..

A reviravolta

Em mais uma reviravolta na busca de um partido para chamar de seu no seu projeto de reeleição, o presidente Jair Messias Bolsonaro desistiu da filiação ao PL (extinto PR) programada para o dia 22. A desistência terá consequência já que muitos diretórios estaduais já estão fechando com o oposicionista Lula. Em Rondônia onde grupos bolsonaristas planejavam tomar o PL do ex-deputado federal Luís Claudio goela abaixo, as articulações estão sendo revistas. Seguem cotados em novas negociações o PP –recordista de caso na operação Lava Jato e até o União Brasil, que é fruto da fusão entre o DEM e o PSL.

Coração balança

O coração do prefeito Hildon Chaves balança entre se acertar de vez com os irmãos Carvalho, que detém o controle do PSDB, e o do seu sócio e guru político Expedito Junior que está ingressando no PSD, de cuja legenda ele tem a maioria dos convencionais. O alcaide não esconde mais o desejo de disputar o governo de Rondônia – e trabalha incansavelmente para isto multiplicando as obras pela capital – mas tem compromisso de apoiar o senador Marcos Rogério ao governo e Expedito Junior ao Senado – e ele é um daqueles raros políticos de honrar os fios do bigode. Com Rogério disputando o governo ele indicaria sua esposa Ieda a vice.

Explosão da Lagoa

Impressiona a explosão demográfica no entorno do bairro Lagoa Azul, que se formou nas adjacências do Conjunto Cristal da Calama e que já conta com ligação asfaltada através da Avenida Amazonas. Aquela zona de expansão será beneficiada dentro em breve com a pavimentação do prolongamento da Avenida Calama, tornando o acesso mais próximo dos residenciais a região central de Porto Velho. Não muito distante também cresce assustadoramente na Zona Leste o antigo setor chacareiro, cujos antigos sítios foram cortados em lotes urbanos cujos proprietários clamam pela regularização fundiária.

Os miseráveis

Mesmo com índices econômicos formidáveis em termos de venda de materiais de construção, ramo de saúde, segmento das funerárias, e setor de supermercados, tem aumentado a população de miseráveis pela capital. Os drogados, mendigos e bebuns se reúnem nas várias cracolandias espalhadas por Porto Velho e tem uma estratégia comum para ganhar uns trocados, café da manhã ou um marmitex do almoço. Fazem plantão nas portas de farmácias, de padarias, supermercados e restaurantes. Com almas caridosas, sempre conseguem livrar alguma coisa.

A revitalização

Urge estudos pela secretaria de planejamento da prefeitura de Porto Velho para a revitalização do centro histórico da capital, na região da Av. Sete de Setembro e adjacências, também nas cercanias do antigo Palácio Presidente Vargas e sede da Unir, do antigo Paço Tancredo Neves e Catedral. Uma região infestada de drogados e marginais, com o comércio em decadência e desvalorização imobiliária crescente nos últimos anos. Cabe também a Câmara dos Diretores Lojistas colaborar e também apresentar algum projeto pois o comércio lojista da região está em queda livre.

Via Direta

*** A semana começa com os preparativos para o encontro estadual do União Brasil que pode ocorrer no final deste mês de novembro*** O governador Marcos Rocha consolidado como o grande cacique do partido depois de um embate com o senador democrata Marcos Rogério*** Alguns dos ex-deputados estaduais já estão no trecho na busca da ressurreição política. São os casos de Jesuíno Borabaid (Porto Velho), Só na Bença (Pimenta Bueno), Ezequiel Junior (Machadinho do Oeste) e Hermínio Coelho (Porto Velho)*** Já para â Câmara Federal temos ex-prefeitos como Thiago Flores (Ariquemes), Jesualdo Pires (Ji-Paraná), Lindomar Garçom (Candeias do Jamari)*** Rouba-se de tudo na capital, desde tampas de boeiro a fiação elétrica nas residências. Não perdoam nem tampas de relógios de energia, tampouco hidrômetros da Caerd. É coisa de louco!

sobre Carlos Sperança

Um dos maiores colunistas político do Estado de Rondônia. Foi presidente do Sinjor. Foi assessor de comunicação do governador José Bianco entre outros. Mantém uma coluna diária no jornal Diário da Amazônia.

- Advertisement -
spot_img

Mais notícias +