Rondônia,  às 19:51:51- Email: [email protected] - Telefone: 69 9 9284-5099.




Porto Velho é o terceiro município da Amazônia Legal no ranking de desmatamento de agosto, aponta relatório do Imazon



Flagrante de desmatamento na reserva Jaci-Paraná — Foto: Globo/Reprodução
Flagrante de desmatamento na reserva Jaci-Paraná — Foto: Globo/Reprodução

Porto Velho foi o terceiro município da Amazônia Legal que mais desmatou no mês de agosto, segundo dados do Sistema de Alerta de Desmatamento (SAD) do Instituto do Homem e Meio Ambiente da Amazônica (Imazon). A área atingida foi de pelo menos 78 km².

Nos primeiros lugares ficaram os municípios do sul do Amazonas: Lábrea (AM), com 107 km², e Boca do Acre (AM), com 78 km².

O estado de Rondônia foi responsável por 10% de todo desmatamento na região, que totalizou 1.606 km²:

  • Pará – 638 km²
  • Amazonas – 412 km²
  • Acre – 236 km²
  • Rondônia – 167 km²
  • Mato Grosso – 138 km²
  • Tocantins – 5 km²
  • Maranhão – 5 km²
  • Roraima – 4 km²
  • Amapá – 1 km²

 

As florestas degradas na Amazônia Legal somaram 18 km² em agosto, sendo 17% só em Rondônia.

O estado também foi citado no ranking de terras indígenas afetadas pelo desmatamento, estando a TI Sete de Setembro e a Karipuna entre as dez da região que mais foram atingidas. Pelo menos 3 km² foram desmatadas nas duas áreas somente no último mês.

Amazônia

 

A área desmatada da Amazônia em agosto de 2021 é a maior para o mês em dez anos.Foram desmatados 1.606 km² de floresta em agosto, o que equivale a cinco vezes o tamanho de Belo Horizonte e é 7% maior do que o registrado em agosto de 2020.

Se somados os dados obtidos entre janeiro e agosto desde ano, já foram destruídos 7.715 km² de floresta. Este índice também foi o pior da década e chega a ser 48% maior do que o ocorrido no mesmo período do ano passado.

Por G1 RO


+ Notícias


Posting....