Sem previsão, famílias carentes podem passar mais um Natal sem suas moradias, políticos do “alto escalão” viram as costas

Enquanto as autoridades responsáveis já planejam suas festividades de final de ano em suas mansões, centenas de famílias carentes do município de Jaru, ainda alimentam a esperança de receber suas moradias do Jardim Primavera para passar o Natal no interior delas.

As 219 casas que já estão concluídas a anos, atualmente enfrentam uma morosidade inexplicável na efetivação dos tramites documentais, os quais se arrastam por mais de 5 anos.

As famílias que aguardam os imóveis pagando aluguel ou residindo inadequadamente, já fizeram de tudo que esteve a seus alçasses, solicitando intervenção política e até divina como ocorrido no início do ano.

Pelo menos a classe política do “alto escalão” não tem demostrado muito apreço as reivindicações das famílias, e preferem não intervir na cobrança de celeridade dos órgãos responsáveis.

A mais recente má notícia recebida, ocorreu no último dia 16, onde a Assistente de Representação de Habitação da Caixa Econômica Federal, Marinelma da Conceição Iananes Oliveira, em resposta a um oficio da Vereadora Sol, informou não haver previsão de entrega das moradias relatando na ocasião, novos “roteiros” de tramites burocráticos a serem seguidos.

 

Residencial concluído a mais de 5 anos

JaruOnline

- Advertisement -
spot_img

Mais notícias +